sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Estão abertas as inscrições para cursos de graduação da UAB


O Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT) e a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) abriram as inscrições do processo seletivo para graduação na modalidade à distância. Cinco cursos estão sendo ofertados em quatro polos da Universidade Aberta do Brasil em Mato Grosso (UAB-MT), que são mantidos pela Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc-MT).
As inscrições para o vestibular do IFMT começaram no dia 17 de janeiro e seguem até o dia 15 de fevereiro. O edital e demais informações podem ser conferidas no site http://selecao.ifmt.edu.br.
Já para o vestibular da UFMT, as inscrições começam em 06 de fevereiro e seguem até o dia 16. O edital com todas as informações do processo seletivo pode ser conferido no site http://www.ufmt.br/concursos.
Os polos da UAB, mantidos pela Seduc, estão em Cuiabá, Cáceres, São Felix do Araguaia e Pontes e Lacerda. Só em Cuiabá, o IFMT ofertará três cursos, sendo eles: Licenciatura em Matemática, Tecnologia em Sistemas para Internet e Licenciatura em Química. Ao todo, são 390 vagas.
Para o mesmo polo, a UFMT reserva 150 vagas, sendo 50 para Licenciatura em Matemática e 100 para Bacharelado em Administração Pública.
A prova do IFMT está marcada para acontecer no dia 26 de março, das 13h às 17h. A taxa de inscrição é de R$ 50.
Já a prova da UFMT está marcada para o dia 12 de março, das 14h às 18h. A taxa de inscrição é de R$ 90.
Vale ressaltar que o vestibular também é para os demais polos da UAB-MT, espalhados pelo estado. No edital disponibilizado nos sites das instituições está a lista completa de municípios que vão receber os cursos. 

Cuiabá: Prefeito e Secretária lançam Matrículas Web

Inscrições pela internet começam na segunda-feira (23 de janeiro)

O prefeito Emanuel Pinheiro e a secretária municipal de Educação, Mabel Strobel, apresentaram à imprensa e aos servidores da rede municipal de Educação Infantil, na manhã desta sexta-feira (20), todo o aparato e o passo a passo de como vai funcionar o processo de Matrículas Web 2017 na Capital, a partir da próxima segunda-feira (23).
O prefeito destacou que as Matrículas Web foram um de seus primeiros atos e determinações após tomar posse no cargo. “Em minha primeira entrevista como gestor falei que não iríamos mais permitir que pais acampassem em filas nas portas das creches em busca de vagas. Isso é desumano, é um desrespeito ao cidadão, ao pai de família e aos seus filhos”, afirmou.
Ele ponderou ainda que o município não tem condições de atender toda a demanda, que atualmente corresponde a 8 mil crianças na idade creche (zero a três anos) em Cuiabá. Entretanto, ele pontuou que as mais de 3 mil vagas ofertadas já atenderão uma grande parcela e ainda de forma humanizada. “O mínimo que posso fazer, como gestor preocupado com a vida das pessoas, é garantir a humanização, carinho e respeito na solicitação de matrículas e na volta às aulas”, ponderou.
A secretária Mabel Strobel destacou que o modelo de Matrículas Web é inédito e esta ação vai estabelecer um marco na inclusão, acolhimento e qualidade da Educação Pública de Cuiabá.
Para overeador eleito Abílio Júnior, a nova ferramenta vai redefinir a forma como a população que necessita do ensino municipal é tratada. “Como arquiteto e urbanista, afirmo que a cidade foi feita para o cidadão e não o contrário. Sendo assim, é natural que ela deva se moldar às necessidades das pessoas que aqui vivem. Filas em portas de creches precisam acabar, pois é responsabilidade do poder público oferecer dignidade ao pai de família que busca um ensino de qualidade para seu filho", reforçou.
O parlamentar também elogiou a iniciativa do prefeito e da secretária da pasta de Educação em tomar esse passo ousado, respeitando a população e assegurando um ensino público de qualidade.

Como vai funcionar
A partir da próxima segunda-feira, pais, mães, ou responsáveis poderão acessar de sua casa, trabalho ou Lan House o site da Prefeitura de Cuiabá, fazer o cadastro e solicitar a matrícula da criança. Serão ofertadas 3.700 vagas para crianças de zero a cinco anos nas 51 creches e 17 CMEI de Cuiabá.
Caso haja dificuldades em fazer este procedimento ou o interessado não tenha acesso a computador e internet, ele pode se dirigir a uma das sete Estações de Acesso. Esses espaços contarão com dez computadores disponíveis em cada unidade para o uso do público. Além disso, dez servidores estarão disponíveis nos locais, aptos para auxiliar na realização da inscrição.
A secretária Mabel frisa que é importante que as pessoas façam o primeiro acesso de casa e somente em caso de necessidade se dirigir a um dos sete postos. “Não queremos transferir as filas das portas das creches e CMEI para as Estações”, destacou.

Segunda etapa
De posse deste cadastro, a SME e os gestores das unidades educacionais vão conferir e analisar os dados, além de realizar uma triagem e a seleção dos novos alunos. O critério utilizado será a proximidade da residência da criança em relação à unidade escolhida. “Então não vai garantir a vaga quem acessar primeiro o site e sim aqueles que morarem mais próximos da creche ou CMEI selecionado”, reafirma Mabel.
As estações de acesso são uma inovação no Estado de Mato Grosso em processos de matrículas. “É a primeira vez no Estado que se monta um aparato deste porte para garantir a comodidade e a tranquilidade dos pais no processo de matrículas”, garante a secretária de Educação.
Além destes postos, dez Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), espalhados pelos bairros da capital, funcionarão como pontos de apoio e esclarecimento para a população.
Após solicitar a matrícula web, os pais devem aguardar contato da secretaria via SMS, e-mail ou telefone. Eles serão convocados para levarem toda a documentação à unidade para a efetivação da matrícula.
As solicitações que excederem o número de vagas irão compor, automaticamente, um cadastro reserva que será chamado de acordo com o surgimento de novas vagas.
Confira a lista completa com as Estações de Acesso aqui.


http://www.cuiaba.mt.gov.br/educacao/prefeito-e-secretaria-de-educacao-lancam-matriculas-web/14033

FNDE apresenta as inovações do PDDE para 2017

A partir de agora as Unidades Executoras Próprias (UEx) das escolas públicas dos municípios, estados e do Distrito Federal podem utilizar os saldos de recursos das Ações Agregadas ao Programa Dinheiro Direito na Escola (PDDE) nas finalidades deste programa. Além disso, nos casos em que as entidades gestoras tiverem que restituir recursos ao Tesouro Nacional, têm a opção de devolvê-los à conta na qual foram depositados.
Essas inovações representam avanço fundamental, na medida em que propiciam o reaproveitamento e aplicação dos recursos em favor das escolas beneficiárias. ”Agora existe a possibilidade do dinheiro não ficar mais parado, ocioso, e nem ser devolvido para o Tesouro como era antigamente”, comemora Adalberto Domingos da Paz, coordenador substituto do programa. “No entanto, as entidades devem observar as exigências necessárias para o reemprego dos recursos, conforme descreve a Resolução nº 8, de 16 de dezembro de 2016”, ressalta Domingos da Paz.
O coordenador esclareceu as mudanças em evento realizado esta manhã para técnicos da Secretaria de Educação do Distrito Federal e de municípios do entorno de Brasília, com transmissão ao vivo pela TV PDDE, no YouTube. Logo no início, mais de 3.500 acessos foram registrados, alcançando 16,6 mil reproduções no decorrer do evento, o que demonstra o interesse do público pelo assunto.
Outra inovação importante da resolução é que nos próximos repasses do PDDE não serão mais descontados saldos disponíveis em conta. Até então, quando o FNDE repassava a segunda parcela e verificava que havia saldo na conta, esse valor era descontado e o Fundo só pagava a diferença.
O vídeo com as explicações sobre a nova resolução está disponível na TV PDDE no Youtube.


http://www.fnde.gov.br/fnde/sala-de-imprensa/noticias/item/10035-fnde-apresenta-as-inova%C3%A7%C3%B5es-do-pdde-para-2017

Cuiabá: Processo Seletivo para contratação temporária para a Educação - 2017

Secretaria de Educação abre processo seletivo para contratação temporária para atender, excepcionalmente, as ausências nos cargos especificados abaixo.

Poderão se inscrever candidatos de nível médio/ profissionalizante e/ou Superior. 
Os cargos são:

Técnico em Desenvolvimento Infantil (1.356), 

Técnico em Administração Escolar (24), 
Técnico em Nutrição Escolar (493), 
Técnicos em Manutenção de Infra Estrutura/ Serviços Gerais (997), 
Vigilante (537),
Motorista (21), 
Técnico em Multimeios Didáticos (13), 
Cuidador de Aluno com Deficiência (1.040),

profissionais de nível superior têm oportunidades 

para Professor (2043) e 

Técnico de Nível Superior (79). 


As inscrições para a seleção de contrato temporário, para os cargos e funções estabelecidas neste Edital, serão gratuitas e ocorrerão no período de 
20/01 à 30/01/2017.



Veja o Edital AQUI


http://www.gazetadigital.com.br/conteudo/show/secao/9/og/1/materia/499779/t/seletivo-para-contratar-mais-de-6-mil-pessoas

Ministro decide por desobrigar Governo de MT a destinar 35% do orçamento à Educação

Airton Marques O governador Mauro Mendes (DEM) conseguiu, no Supremo Tribunal Federal (STF), suspender artigo da Constituição Estadual q...