domingo, 1 de setembro de 2013

Programa de saúde emocional é desenvolvido com mais de três mil alunos da rede municipal de Cuiabá


Cerca de três mil alunos do 2° ano de escolas da rede municipal de Cuiabá estão aprendendo de maneira lúdica a conviver com as diferenças, respeitar o próximo e lidar com as dificuldades do dia a dia. O trabalho é desenvolvido por meio do Programa de saúde emocional “Amigos do Zippy”, implementado pela Secretaria Municipal de Educação em parceria com a Associação pela Saúde Emocional de Crianças (ASEC).
O programa Amigos do Zippy, conforme a presidente da ASEC, Tania Pires, foi criado para atender crianças de 6 e 7 anos de idade. Desenvolvido por uma equipe multidisciplinar de especialistas internacionais, ele é aplicado pelos próprios professores em sala de aula. “É um programa comprovadamente eficaz que ajuda as crianças a desenvolverem habilidades emocionais e sociais que funcionam como fatores de proteção para promover sua saúde mental”.
Em Cuiabá ele está sendo realizado desde o mês de maio em 35 escolas da rede municipal, beneficiando 3.368 crianças e 124 educadores, que trabalham com turmas do 2° ano do ensino fundamental.

leia mais:
http://www.cuiaba.mt.gov.br/noticias?id=7389

Livro de brasileiros reúne iniciativas que transformam escolas pelo mundo

Na Green School, em Bali, na Indonésia, alunos de diferentes nacionalidades convivem com cores, sons, árvores e animais
Foto: Educ-ação / Divulgação
Escolas que se transformaram em comunidades de aprendizagem, reinventadas com base em sua realidade local, onde pais são educadores e professores também aprendem todos os dias. Assim são as escolas visitadas por um grupo de brasileiros que criou o projeto Educ-ação, um livro que vai reunir 13 iniciativas inusitadas e inspiradoras. Por um ano, o quarteto revezou-se em viagens por nove países para conhecer espaços que conseguiram se reinventar. Para além de métodos e estratégias de gestão, o livro, que será lançado em outubro, mostra que as mudanças estão no comprometimento e na paixão de quem faz a educação acontecer.
Um dos idealizadores do projeto, o jornalista André Gravatá conta que percebeu o quanto a simplicidade de algumas práticas pode ser transformadora para a aprendizagem. Nas cinco escolas visitadas da rede Escolas Experimentais (do espanhol, Escuelas Experimentales), localizadas em Ushuaia, na Argentina, as aulas terminam com um momento compartilhado, em que alunos e professores se reúnem para comer, cantar e dançar. Na reunião de pais, que acontece mensalmente, educadores, alunos e suas famílias fazem pizza. Enquanto conversam sobre a educação dos filhos, vendem as pizzas para a comunidade local. "Essa é uma prática super simples que reinventa o que é a reunião de pais. Coloca o pai na escola de uma maneira informal e reconecta a comunidade com a escola", diz Gravatá.
http://noticias.terra.com.br/educacao/livro-de-brasileiros-reune-iniciativas-que-transformam-escolas-pelo-mundo,9f774d3783ac0410VgnVCM10000098cceb0aRCRD.html

Vítima de bullying lança livro sobre o assunto na Bienal do Rio

RIO - Quando era adolescente, o escritor João Pedro Roriz precisava sair da escola correndo, para não apanhar de outros alunos. Hoje, adulto bem-sucedido, ele não se esquece das experiências desagradáveis que vivenciou. Mas não tem ressentimentos. Sua forma de lidar com a questão foi justamente levantar a bandeira contra o bullying e correr colégios do Brasil com palestras e esquetes teatrais que retratam o problema. Em sua mais recente investida sobre o tema, ele escreveu o livro “Bullying não quero ir para escola!” (Paulinas), que lança neste domingo na Bienal do Livro.
A obra conta a história dos jovens Júnior e Sara que estudam na mesma escola e sofrem diversos assédios pelos colegas. Na rotina desses dois tem espaço para fofoca, agressão, deboches e ameaças. O tema é sério, mas o livro passa longe de qualquer caretice, e tem até lugar para um romance vivido entre os protagonistas.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/educacao/vitima-de-bullying-lanca-livro-sobre-assunto-na-bienal-do-rio-9762896#ixzz2den3uRIF 
© 1996 - 2013. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização. 




Pensadores da Educação


Tão antigo quanto a Filosofia, o pensamento educacional se desdobra em várias correntes. Clique no link abaixo e nas imagens dos pensadores para conhecer séculos de reflexões sobre o ofício de educar.


http://educarparacrescer.abril.com.br/pensadores-da-educacao/

Cuiabá: Prefeito anuncia adequações e encaminha à Câmara projeto de Reforma da Previdência

CAROLINA MIRANDA O prefeito Emanuel Pinheiro assinou na manhã desta quarta-feira (11), o projeto de Lei Complementar que trata da adeq...