segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Centenário de Manoel de Barros celebra o dia da poesia em Mato Grosso

Lei aprovada pela ALMT em 2002 criou o Dia Estadual da Poesia para homenagear o poeta mato-grossense e incentivar a produção literária




Hoje é o Dia Estadual da Poesia. A data comemorativa foi instituída por lei aprovada na ALMT, e 19 de dezembro foi o dia escolhido por ser aniversário de Manoel de Barros, que em 2016 completaria 100 anos. Nascido em Cuiabá, o poeta se destacou entre os grandes nomes da literatura brasileira ao construir uma obra poética com linguagem singular, tendo a natureza local como matéria para a universalização de seus versos.
“A escolha de homenagear a poesia, o dia da poesia em Mato Grosso, pela data de nascimento de Manoel de Barros, foi acertadíssima. Manoel de Barros, tendo publicado vários volumes de poesia, tendo sido traduzido para vários idiomas e vencido prêmios importantes, consagra uma vertente lírica telúrica, enraizada numa paisagem forte e simples, daí sua magnitude estética”, elogia a escritora Marta Helena Cocco, membro da Academia Mato-grossense de Letras (AML).
O panorama da literatura mato-grossense aponta uma produção desde sempre numerosa e diversificada. O estado de Mato Grosso, segundo Marta Cocco, teve muitos momentos de efervescência poética. Entre os poetas mais tradicionais que deixaram registros escritos, ela lembra os nomes de Dom Aquino Corrêa, José de Mesquita, Octávio Cunha, Rubens de Castro, Lobivar Matos, Silva Freire, Wlademir Dias-Pino, João Antonio Neto e Amélia Verlangieri.
Das últimas décadas do século passado para cá, outros nomes se destacariam: Antonio Sodré, Antonio Carlos Lima, Marilza Ribeiro, Ivens Scaff, Aclyse Mattos, Lucinda Persona, Luciene Carvalho, Santiago Vilela Marques, Marli Walker, Lorenzo Falcão, Eduardo Mahon, Irene Rezende, Everton Barbosa e Odair de Morais, estes dois últimos revelados recentemente por prêmios literários promovidos pelo governo estadual e pelo município de Cuiabá, respectivamente.
“Há muita gente produzindo boa poesia, nem sempre conhecemos todos os trabalhos, e geralmente corremos o risco, ao nominar, de esquecer nomes importantes. E aqui não estamos mencionando a produção em prosa”, continua a escritora, ao destacar ainda o importante papel das entidades públicas ou privadas na divulgação dessa literatura.
“Hoje a UFMT e a Unemat, além da iniciativa isolada de alguns professores da educação básica, ou eventos escolares como o recente ‘Master Literário’, juntamente com o apoio de instituições como a AML, Sesc Arsenal e órgãos da imprensa, têm feito um importante trabalho de difusão da poesia produzida em Mato Grosso”, reconhece.
Sendo também professora de literatura, Marta Cocco admite constatar na prática o interesse que os textos literários de autores mato-grossenses despertam nos estudantes. Entre as possíveis explicações para isso, segundo ela, está o fato de os textos locais falarem de uma realidade próxima e darem aos leitores uma sensação de pertencimento, além de não deixar nada a desejar em relação às grandes produções do cânone nacional.
“Isso, inclusive, tem gerado, nas salas de aula, uma discussão importante: por que as obras de excelência literária produzidas em Mato Grosso não alcançam o cenário nacional? E, principalmente, por que essas obras não estão chegando às escolas? Por que estamos conhecendo isso somente agora?”, finaliza.
POESIA POPULAR - A Lei nº 7776/2002, que institui o Dia Estadual da Poesia, prevê ainda que as comemorações alusivas à data compreendam a realização de eventos que estimulem a participação da sociedade no incentivo ao estudo, à difusão, à criação e ao desenvolvimento da literatura. Também cria o Concurso Anual Literário Manoel de Barros, com a finalidade de propiciar a revelação de novos poetas em Mato Grosso.
Atualmente, tramita na ALMT e está apto para apreciação em plenário o Projeto de Lei nº 64/2016, do deputado Jajah Neves, que cria o Programa Social de Literatura “Poesia na Escola”. Para incentivar a leitura e a produção de textos, o programa propõe a realização de concursos de poesia e produção de outros textos nas escolas da rede estadual de ensino de Mato Grosso.
Além disso, entre as atividades de encerramento das ações culturais da Casa de Leis está a exposição “Manoel de Barros e a mídia impressa”, em celebração ao centenário do poeta mato-grossense. A exposição, organizada pelo Instituto Memória do Poder Legislativo, ficará na unidade do Ganha Tempo localizada na Praça Ipiranga, em Cuiabá, de hoje até o próximo 5 de janeiro. 

Mais informações: 
Secretaria de Comunicação 
Redação:  (65) 3313-6310  (65) 3313-6283 
Rádio:  (65) 3313-6682 
TVAL:  (65) 3313-6341  (65) 3313-6399
https://www.al.mt.gov.br/midia/noticia/173620/visualizar

Cuiabá: Veja a lista das 49 unidades que serão construídas ou reformadas, conforme Acordo Judicial entre MPE e SEDUC

EE Marcelina Campos será contemplada com construção
O Ministério Público do Estado de Mato Grosso, por meio da 8ª Promotoria de Justiça Cível da Capital – com atribuições na área de educação –, e a Secretaria Estadual de Educação assinaram Termo de Acordo Judicial que prevê a destinação nos próximos dois anos de R$133 milhões do orçamento da SEDUC para reforma de escolas da capital. Serão contempladas 49 unidades públicas de ensino, o que corresponde integralidade da demanda por reforma nas unidades escolares estaduais e que foram objeto de ações propostas pelo MPE ao longo dos últimos anos. 

Caberá a Secretaria de Estado de Educação, Esporte e Lazer apresentar o cronograma de obras que passará a ser parte integrante do acordo judicial. As atividades necessárias a realização das respectivas reformas e construções deverão ter início em dezembro deste ano e ser entregues em novembro de 2018. 



“A tecnologia democratiza o aprendizado”, diz especialista

Ex-diretora no Departamento de Educação do governo dos Estados Unidos, Karen Cator fala de ferramentas que ajudam a potencializar o ensino

Por Luísa Bustamante

Quando o assunto é tecnologia aplicada à educação, todo mundo quer ouvir o que a americana Karen Cator tem a dizer. Ela começou a carreira como professora no Alaska; depois tornou-se executiva da Apple, entre 2001 e 2009. No governo de Barack Obama, liderou a elaboração do plano para aplicar novas tecnologias à sala de aula. Hoje, como presidente de uma organização sem fins lucrativos, a Digital Promise, Karen trabalha para chegar a soluções que abram oportunidades de aprendizado. 


CLIQUE PARA VER A ENTREVISTA



SEDUC prorroga o prazo para validação PAS 2017

O prazo de validação dos documentos aos inscritos no PAS 2017, que era até o dia 16, foi prorrogado para o dia 22 de dezembro de 2016. 

Veja a NOTA TÉCNICA

Gestores da educação de Cuiabá serão empossados dia 20/12

ROSANE BRANDÃO

O prefeito Mauro Mendes dará posse aos novos gestores das unidades educacionais da rede municipal de Cuiabá na próxima terça-feira (20). A cerimônia de posse será realizada no Hotel Fazenda Mato Grosso, às 19 horas.
Serão empossados diretores e coordenadores pedagógicos de escolas, creches e centros municipais de educação infantil (CMEIs) e secretários de escolas e CMEIs.
A escolha dos novos diretores e coordenadores ocorreu no dia 25 de novembro, por meio de processo eleitoral. Já os secretários foram selecionados por meio de processo seletivo.
O processo eleitoral para diretores e coordenadores foi dividido em quatro etapas: Ciclo de Estudo, Avaliação de Conhecimento, Proposta de Trabalho e Eleição. Para secretário, o processo foi divido em duas etapas, Ciclo de Estudo e Avaliação de Conhecimento.
Atualmente, a rede municipal de educação de Cuiabá conta com 91 escolas, 51 creches e 16 Centros Municipais de Educação Infantil. 
“A eleição para os gestores é um processo que está inserido na gestão democrática, que visa a transparência e a participação efetiva de toda a comunidade escolar”, observa a secretária municipal de Educação, Marioneide Kliemaschewsk.

Veja AQUI a Portaria com a designação dos eleitos, selecionados e designados.

http://www.cuiaba.mt.gov.br/secretarias/educacao/prefeito-empossa-novos-gestores-das-unidades-educacionais-na-terca-feira/13859

Ministro decide por desobrigar Governo de MT a destinar 35% do orçamento à Educação

Airton Marques O governador Mauro Mendes (DEM) conseguiu, no Supremo Tribunal Federal (STF), suspender artigo da Constituição Estadual q...